Funcionalidades implementadas no GPS-Jus são apresentadas a magistrados e servidores

Finalizando o webinário “O gestor e seu papel na produtividade”, nessa quinta-feira (20), a servidora Fátima Nascimento, da Secretaria de Gestão Estratégica, apresentou novas funcionalidades implementadas na plataforma GPS-Jus e que já estão disponíveis a partir de 20 de agosto para consulta pelos servidores e magistrados: novos painéis de análise de atuação das unidades judiciais, permitindo análises gráficas e georreferenciais, além de comparativos entre unidades.

Um dos painéis é o da análise da produtividade por competência, onde o usuário vai poder fazer comparativos de diversos indicadores entre unidades do mesmo grupo de competência, além de obter informações comparadas sobre taxas de congestionamento e de demonstrativos de distribuição processual.

“Desenvolvemos essa ferramenta para ter um comparativo da produtividade de unidades judiciárias, de mesma competência, com o objetivo de facilitar e auxiliar o gestor da unidade na elaboração de estratégias de diminuição de taxa de congestionamento e de acervo processual, por exemplo”, explicou Fátima.

“Gerindo bem a nossa vara, nós podemos compará-la com outras varas que têm a mesma competência ou que recebem a mesma quantidade de processos. Realmente, será uma ferramenta muito boa”, avaliou a juíza auxiliar da Presidência, Ana Cláudia Secundo, mediadora do painel.

Com os comparativos é possível ao gestor verificar a situação da unidade em relação a outras de mesma competência e também identificar estratégias para a melhoria de indicadores.

Outra opção desenvolvida no GPS-Jus é a análise por competência, sendo possível identificar quais são os assuntos mais demandados em determinada comarca.

Também foram desenvolvidos painéis com georreferenciamento de informações, um deles sobre medidas protetivas concedidas no RN a partir de janeiro de 2020 (o que abrange as áreas da Violência contra Mulher, Infância e Juventude e Idosos), com a distribuição espacial, por comarca.

O georreferenciamento também é utilizado para apresentar informações sobre processos na área da Saúde e envolvendo o tema da Covid-19, identificando quantitativos por comarcas e assuntos mais demandados.
 

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200